O meio ambiente está passando por uma crise séria com diversos animais sendo ameaçados de extinção e ecossistemas podendo sumir por conta da poluição. Isso é só a ponta do Iceberg, se fôssemos falar tudo o que realmente está acontecendo, precisaríamos de semanas para montar um texto.

Já é comprovado que se o despejo de lixo nos oceanos continuar crescendo no ritmo que está, em 2050 os especialistas apontam que teremos mais plásticos do que peixes nadando nos sete mares.

Por isso, diversas campanhas com intuito de conscientizar a preservação do meio ambiente são criadas para tentar retardar essa degradação.

A bola da vez está com a campanha feita pela Corona em parceria com a Parley, SOKO, Mutato e Haute.

 

Plastic Doesn’t Belong in Paradise

A campanha foi desenvolvida com o intuito de auxiliar a preservação dos oceanos e as empresas criaram um muro de 15 metros de comprimento e 2 metros de altura para bloquear a entrada de uma praia.

Imagem relacionada

Vale ressaltar que esse muro foi construído com plásticos retirados da própria praia em apenas 3 dias. Juntamente com o muro, uma placa com os dizeres ”Um dia o lixo deixado na praia impedirá que você entre nela” também ajudou a campanha a mexer com as pessoas.

O movimento foi realizado na praia de Ipanema, no Rio de Janeiro, e foi a segunda parada da campanha no Brasil, a primeira foi em Fernando de Noronha.

A campanha também oferece um bate papo sobre a causa, para reforçar a conscientização e mostrando os impactos causados pela poluição marítima.

Até o final da campanha, mais de 20 praias serão limpas e outras várias mobilizações para combater o lixo nos oceanos acontecerão.

 

Para ajudar o meio ambiente, você não precisa fazer muito, basta fazer a sua parte e tentar ao máximo engajar os seus amigos e familiares a entrarem nessa também!