Andes é um destino lembrado em diversos roteiros de viagens para os adoradores de esporte outdoor. O local não é lembrado apenas pelos sul-americanos, viajantes do mundo inteiro querem conhecer o local e seus montes espetaculares como Aconcágua, Ojos del Salado e Monte Pissis.

Porém, a cordilheira dos Andes reserva para os turistas muito mais do que apenas os montes. Uma das belezas naturais presentes e ”escondida” na sombra dos gigantes de pedra, é o Cânion de Cotahuasi.

 

Cânion de Cotahuasi

Resultado de imagem para cânion de cotahuasi
  • Facebookhttps://www.facebook.com/saiadazonadeconforto.szc

Se olharmos para a profundidade do Cânion de Cotahuasi, ele supera o famoso Grand Canyon em até duas vezes. Enquanto o Cotahuasi possui 3500 metros, o cânion americano possui apenas 1857 metros.

O Cânion de Cotahuasi está localizado a noroeste de Arequipa, em linha reta a distância é de 200km, porém para chegar ao local, é necessário encarar uma viagem de sete horas de carro.

Por estar entre duas montanhas rochosas que superam os 6000 metros de altitude, o Cânion possui um ecossistema e um clima bem diversificado, fazendo com que a fauna e a flora do local sejam bem diversificados.

Resultado de imagem para cânion de cotahuasi
  • Facebookhttps://www.facebook.com/saiadazonadeconforto.szc

Além de ser ideal para diversos esportes de aventura como trekking, canoagem e MTB, o cânion de Cotahuasi proporciona encontros com povoados locais, sítios arqueológicos, fontes de águas termais e cachoeiras.

Um dos principais passeios do local é a catarata de Sipia, que possui uma queda de 150 metros que forma um arco iris permanente.

 

Lembrando que a região engloba climas extremos, ou seja, há a chance de você passar por regiões que fazem muito calor e regiões que fazem muito frio, por isso há a necessidade de investir em roupas térmicas.

Quem aí já conhecia o Cânion de Cotahuasi? Querem um texto falando sobre o mais tradicional dos Cânions, o Grand Cânion?